• Luiz Alberto Nascimento

Quem você pensa que é?


texto inspirador

Uma das virtudes do ser humano está na capacidade de pensar de maneira racional, diante das necessidades e circunstâncias deste mundo contemporâneo que estamos vivendo, o que mais fazemos em todo tempo é pensar, pensamos sobre qual carreira seguir, quando se casar, em quem contratar ou em qual empresa trabalhar, que cor pintar, a quem desabafar, qual caminho percorrer, pensamos a respeito dos outros, pensamos sobre tudo em todo instante.


Para vivermos de forma harmoniosa é importante nos comportarmos de maneira correta e ética, dedicar atenção e percepção sobre o que os demais pensam sobre nós, creio que isto é importante e fundamental para uma ótima convivência social, mas tão importante quanto, e até mesmo ouso dizer que o mais importante é nos atentarmos acerca do que pensamos sobre nossa própria pessoa, quem penso

que sou? Quem você pensa que é?


Provérbios 4:23 na versão NTLH diz:

Tenha cuidado com o que você pensa, pois, a sua vida é dirigida pelos seus pensamentos.”



O termo tenha cuidado, nos coloca em uma posição de perigo e vulnerabilidade, PENSO comigo, que perigo pode existir na maneira de pensarmos?


Este texto bíblico me faz lembrar da tão conhecida ilustração do elefante do circo, preso desde pequeno em uma estaca, quando pequeno ele se esforça para fugir e não consegue por não ter força suficiente para arrancar a estaca, depois de grande, com uma concepção que não é capaz de escapar, continua preso sem ter noção da força que possui.


Essa ilustração nos mostra 2 momentos distintos que o elefante vivenciou, e deixa explícito a importância e influência que o pensamento exerce sobre nossas vidas, o futuro do elefante foi dirigido e construído com base naquilo que ele pensou sobre ele mesmo.


O primeiro momento é aquele que ele PENSA QUE É forte e capaz, mas NA VERDADE NÃO É.


E o outro momento é QUANDO ELE REALMENTE É forte e capaz, mas PENSA QUE NÃO É.


Nos 2 episódios ele pensou de maneira equivocada, qual das 2 situações podemos classificar como a pior maneira de pensar? Difícil decidir né?


Muitos estão exatamente em uma dessas duas situações, com um desses 2 tipos de pensamentos.

A autoconfiança junto com despreparo e falta de força se transformou em frustração e decepção, gerando conformismo, desistência, falta de reação, algo do tipo ‘desisto”, “meu lugar é aqui mesmo” “não adianta, já tentei várias vezes” “minha vida é esta, isso é o que Deus tem para mim” “fazer o quê” e por aí vai....


Aprendi que inverdades acolhidas como verdades, é a principal de todas as estacas que aprisionam multidões, até que você enxerga o quão forte é e se liberta daquilo que aparentemente era tão forte, e você percebe que por anos estava preso a algo tão insignificante, preso por um pensamento equivocado.


Por que muitos desistem de lutar por aquilo que queriam tanto alcançar?

Quantos agora estão aprisionados por seus pensamentos, pensamentos estes plantados pela própria pessoa e muitos plantados por aqueles que estão próximos.


Porque muitos desistem de tirar carteira de habilitação após ficar reprovado por 2 ou 3 vezes na prova prática?


Por que pessoas desistem de aprender inglês após participar de dezenas de cursos?


Por que muitos desistem até mesmo de viver?


Muitos neste instante pensam QUE NÃO SÃO FORTES E CAPAZES, mas na verdade são.


Reflita sobre isso, e viva uma vida acima da média, viva uma vida abundante e extraordinária!

Grande abraço,


Luiz Alberto Nascimento.